sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Feliz Ano Novo!


Meus queridos amigos,

Desejo neste fim de ano que todas as alegrias que existem nesse mundo preencham cada minutinho de 2011!

Que tenhamos um ano de saúde pra dar e vender, bolso cheio, sorriso franco, coração aberto, fé na vida (na gente, nos outros, em Deus...) e muita força para superar os dias que não forem lá nenhuma Brastemp!

Eu tenho que agradecer muito a todos vocês pela enorme alegria de ter compartilhado minha falação e ter conquistado amigos tão queridos e especiais aqui pela net!

Meu ano velho foi muito melhor por causa de vocês!

Tudo de bom e em 2011 estaremos juntos e misturados novamente!

Beijinhos com muito carinho!


quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Ai, ai, ai...


Oi, docinhos!

Em meio a tantos looks de despedida de 2010, escolha de make, roupas e acessórios para a virada do ano, estou só com uma certeza: 2010 JÁ VAI TARDE!!!

Eita anozinho enjoado, e pra não me deixar esquecer que eu não gostei nem um pouquinho dele, estou com infecção urinária. Só um ano muito chato pra aprontar uma dessas comigo aos 45 do segundo tempo, né não?????

:(

Dóóóóóiiii, gente, nem queiram saber (e nem vão, porque 2011 vai ser de muita saúde pra todos nós!)

Enfim, passei pra visitar os bloguinhos que adoro e aproveitei pra dar a última resmungadinha virtual do ano.

Pronto, passou! (a resmungada, pq a dor...)

Beijinhos e até amanhã!

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Novidade


Oi!
Eu sou bocão por natureza, então preciso adiantar uma coisinha...comprei um mimo tããããão fofo para sortear aqui no bloguinho! Fiquei tão contente em fazer isso por vocês!
Hoje fui ao mercado (lerê lerê...)e depois fui conhecer um shopping novinho em folha que abriu perto de casa. Chegando lá, vi numa vitrine o mimo em questão e foi amor à primeira vista! Ouvi os sininhos tocarem e tudo! hahaha
Bom, vocês já devem ter percebido que eu não vou contar ainda, né? Sabem por que? Porque eu só vou sortear depois que descobrir como faz isso. Aceito sugestões!!
Falta bem pouquinho...prometo que assim que tiver um tempinho vou fazer, ok?
Achei legal fazer o sorteio porque tenho pouquinhas seguidoras, então vocês terão muitas chances de ganhar! E espero que vocês gostem da lembrancinha. É super fofinha, bom, eu sou suspeita...
Em breve maiores detalhes!
Beijinhos

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

FELIZ NATAL!!!


Oi, pessoinhas tão queridas do meu coração!

Tô cheia de coisa pra fazer (aqui em casa o milagre da vez é da multiplicação dos hóspedes!), mas não poderia deixar de passar por aqui para desejar àquelas pessoas que me trazem tanta alegria um Natal igualmente Feliz e fantástico!

Que nesta data tão importante nós possamos aprender a eleger as prioridades que realmente contam, e deixar sempre espaço no nosso coração para que elas cresçam e apareçam!

Desejo muito brilho, muita luz, muita fé e muita felicidade para todos vocês!

Para aqueles que tiveram um ano difícil, com suas perdas e tristezas, agora é hora de acolher o que Deus tem para nos dar de melhor e acalmar os corações com a chegada de um humilde menino, que na força da sua simplicidade fez toda a diferença.

Assim seja o nosso Natal: acolhendo a diferença e reconhecendo o nosso lugar nesse lindo presépio que é a vida. Todos em volta do que tem realmente valor.

Sejam muito felizes e até breve!
ho ho ho!!!!!

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Nada de Ho Ho Ho!

Periquitada do meu coração, preciso muito da ajuda de vocês!
Seguinte: não sou lá muito moderninha em relação à compras na internet. Como toda boa mulher, preciso do olho-no-olho com o mimo a ser adquirido. Pois bem, a vida é uma caixinha de surpresas muito da engraçadinha e eu descobri que posso comprar balangandãs pela telinha sem suar nem gastar sola de sapato.
Fuxiquei loucamente atrás de umas bijus pra me dar de presente de Natal, e escolhi um bracelete e um colar de corações.
Aí está o começo dos meus problemas: sinceramente escolhi a loja errada para fazer compras pela internet. O site é lindíssimo, super organizado e as peças são maravilhosas, vistosas e chiquetoséssimas.
Vocês devem estar pensando: Ih...a Fá comeu panettone vencido!
Não comi não! Pra começar a loja não cumpriu o prazo de entrega, e acredito que só notaram a minha compra por causa de um e-mail mal-criado que eu mandei, mas tudo bem.
Juro que isso não me estressou, inclusive, justiça seja feita, eles repararam o erro mandando os produtos por Sedex, quando eu havia pago por PAC. Beleza resgataram a cliente por isso.
Hoje fiquei na rua o dia todo, e quando cheguei em casa e vi o pacote da encomenda fiquei super feliz! Quando abri o bendito, vi logo o bracelete, que é uma graça. Mas não achei o colar...tirei todo o enchimento da caixinha e vi uma micro latinha no fundo. Achei estranho, afinal nunca soube que biju precisava daquela geléia de conservação...ledo engano!!! A micro latinha era a embalagem do colar!!!
Agora vem a ajuda que preciso: honestamente vejam as fotos e me digam se dá pra imaginar esse tamanho para o colar?!
(podem ser sinceras se acharem que eu tô doida!)
Gente, resolvi editar o post e tirei a foto que tinha a marca do site. Sei lá, achei que ficou de péssimo tom eu usar uma foto deles num post sobre a minha decepção com a compra...até pq eu acho o site tão lindinho, e minha decepção não significa que não comprarei mais lá. Significa apenas que antes de comprar vou encher a dona da lojinha de perguntas! rsrsrs



Esse é o bracelete (escrito Love) e o colar. No pescoço mal dá pra ver que são corações...uma pena, porque se ele fosse grandinho como eu achei que era ia ser tão lindo!!!
E então, alguém já se decepcionou assim?
Beijinhos

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Salve-se quem puder!!!


Não tem mesmo jeito. Brasileiro deixa tudo pra última hora por convicção. Aliás, acho que essa característica tinha que ser objeto de estudo. Se precisarem de voluntários, posso ser a primeira.
Todo ano é a mesma ladainha (eu comigo mesma, sabe?) de que vou adiantar as coisas e não vou me estressar no Natal.
Queria tanto conseguir um sosseguinho para aproveitar uma data que é tão importante pra mim, pra minha fé, mas cadê que essa vida mundana me deixa?
É criança torrando a paciência querendo a Barbie moda-magia-fashion-sereia-mosqueteira-fada que custa os olhos de todas as renas do trenó.
É pai torrando a paciência querendo saber se iremos ao almoço do tio fulano, se vamos passar na casa do primo ciclano, se a prima beltrana vai na ceia da casa da tia tal, porque desde a Páscoa elas não se falam...AAAAAAHHHH...parem o mundo que eu quero descer!!!
É tia disputando quem vai pra casa de quem, quem faz a melhor rabanada, pressão psicológica pra obrigar todo mundo a peregrinar pelas 7 freguesias em pleno feriado!!!
Putisgrila, cadê o espírito Natalinho, gente? Eu quero paz, quero tranquilidade pra fazer meu 'fechamento' do ano, pra mentalizar coisas boas para o ano que vem, quero harmonia pra não surtar em plenas festas, porque o hospital com certeza não vai ter psiquiatra pra atender até depois do carnaval!
Nos mercados o que vemos são pessoas se estapeando por um panetone que está na promoção. Nas filas as pessoas xingam os operadores de caixa, que são uns "lerdos, incompetentes, imbecis", a intolerância não combina com o advento. De que adianta tudo isso pra chegar à meia-noite do dia 24 e pensar: "Oh, Jesus está nascendo!"
Vamos ser francos: nascendo aonde, pessoal? Porque um nascimento precisa de uma gestação, de um preparo, e não é vivendo essa vida feia de maltratar os irmãos por um Peru e desfazer de quem tem menos que estamos deixando o aniversariante feliz.
Se a gente vivesse de verdade o espírito de Natal, todas as nossas noites seriam felizes!
Nada contra presente, família reunida, agradecendo por uma mesa farta de iguarias e de amor, mas vamos colocar a mão na consciência e construir o verdadeiro Natal na nossa casa!
Vamos com calma, pessoal!
No mais, bons preparativos para todos...e boa correria aos atrasildos brasileiros (eu!!rs)
beijinhos

Eu pensei que todo mundo fosse filho de Papai Noel...

sábado, 18 de dezembro de 2010

Pra valer!


Oi, docinhos!

Eu já postei essa foto antes, é a minha foto favorita no universo todo. Quer saber por que? Porque simplesmente a vida é assim: nua e crua!

Acho que por uma questão cromossômica, as mulheres têm muito em comum com os pavões, e sempre gostamos de nos arrumar, enfeitar, emperequetar. Até aí, ok!

Essa foto que vocês vão ver me lembra de colocar os pés no chão. Entre tantos looks do dia, cor de esmalte, de sapato, colar da moda, bolsas, makes e o caramba a quatro que a gente inventa de querer, essa foto prova que tudo tem sua hora. Tem hora de estar toda trabalhada na elegância, e tem a hora de descer do salto, deixar o cabelo descabelado, se sujar de areia, esquecer do rímel e se jogar na vida!

E é isso que eu desejo para todas nós! Façam uma retrospectiva (honesta) e depois me contem se os melhores momentos da nossa vida não são os que a gente não tá nem aí se o batom foi retocado. Os meus são!
Claro que não estamos contando com as festas, senão não vale!rsrs
Se a Alessandra Ambrozio sai de casa assim, significa que não existe mulher feia nesse mundo, periquitinhas! Existe esperança para todas! hahahaha
Beijinhos

Se despenteia, se despenteia...

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Mais selinho!

Oi, docinhos!
Acabo de receber mais um selinho fofíssimo da minha xará paulista!! Claro que todos vocês já conhecem, mas não custa lembrar que o blog da Fá (a outra) é uma graça! Tem de tudo um pouco, e de beleza muito!
Visite djá!
Estilo Diário é com a pessoa certa!
Vamos ao selinho pra vocês me darem razão em ficar feliz com esse bloguinho:


Não é uma lindeza isso, gente? Essa blogsfera me faz feliz, feliz...

Junto com o selinho vem a parte complexa da história. Tenho que falar 9 coisas sobre mim. Complexo demais pra quem fala pelos 2 cotovelos, 2 joelhos e demais articulações, mas vambora!


1 - Sou a filha caçula que não foi mimada (desperdício...)


2 - Quando era criança meu cabelo era beeem mais loiro do que agora, e por causa do sol ficava verde (resultado: cabeça de meleca!)


3 - Sou choroooona...choro em casamento, batizado, formatura, Hino Nacional...hihihi


4 - Aos amigos, tudo! Aos indiferentes, nada! Aos inimigos: a lei!


5 - Tenho medo de filmes sobrenaturais. Nunca mais fui a mesma depois do Sexto Sentido (especificamente a parte em que o garotinho bota o pé no chão e seguram o tornozelo dele. Ui!!!)


6 - Não gosto de cachorro (desculpa, gente...)


7 - Nunca decorei a tabuada (tirem as crianças da frente do computador porque eu não sou bom exemplo!rsrs)


8 - Falo com estranhos (mas só dou mau exemplo, meu Deus?!?) em fila, no ônibus, no restaurante...adoro puxar um papo! Tenho até coleguinhas de elevador! Para desespero do namorado, que detesta minha popularidade instantânea!! hahaha


9 - Ainda quero (e vou!) fazer coisas boas pelo mundo. Aguardem...


Bom, é isso! Espero que tenham gostado!
Agora eu tenho que indicar quem vai receber esse selinho e o meu carinho.
Atenção para a escalação das periquitas:

Amanda, a menina Du Balaio!
Mariane, porque esse blog é globalizado e I Love UK também!
Sil, a lente da verdade dessa blogsfera!
Mari Mello e sua brincadeira de casinha muito séria e linda.
Super Lu, que tem 9 milhões de coisas lindas pra dividir.
Carla, aquela lindinha messssma!
Roberta, pra encher essa lista de glamour!
Mari Sabel, esbanjando sua arte por essas bandas.
Paulinha pra arrematar com suas chitas bacanas!

Beijinhos e divirtam-se!


segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Atendendo a pedidos...

Gente, vocês não vão acreditar!!!
Recebi um comentário (anônimo, claro!) que com certeza pegou carona no pedido de vocês para que eu postasse uma foto minha e me espinafrou!!!

"Claro que você vai ficar enrrolando (sic!!!!!) para colocar uma foto sua, porque na verdade todo mundo já percebeu que esse blog é fake! Só acho que seria mais honesto você declarar logo isso ao invês (sic de novo!ui!) de ficar de estorinha"


Ah, fala sério, vocês imaginam a minha cara de preocupação pra quem acha que eu não existo, né!?!?! hahahahaha

Para as periquitinhas queridas que querem me conhecer:





Muito prazer, Fá!
bjs

sábado, 11 de dezembro de 2010

Hoje a noite não tem luar...


Hoje a noite quando vocês olharem para o céu haverá uma linda estrela iluminada que não estava lá ontem.
Uma estrela que brilhava por aqui antes.

Valeu, Madu...

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Então é Natal...


Oi, docinhos!

Ainda nem consegui queimar todas as calorias que ganhei no Natal passado e já é Natal de novo!
Cadê 2010 que eu não vi, gente? Incrível, acho que nem o cometa Halley passa rápido assim.
Sempre dizem que quando a gente não vê o tempo passar é sinal de que as coisas estão tão boas que nem prestamos a devida atenção. Mentira!!! 2010 certamente foi (está sendo!) um ano que passou completamente em branco na minha vida.
Sabe quando você não faz absolutamente nada de produtivo, as coisas não saem do jeito que você gostaria, seus planos viram de cabeça pra baixo até não sobrar nenhum pra contar a história? Esse foi meu 2010.
Vou confessar que ele me enganou bem! No meio do ano, em julho, recebi um convite para uma entrevista de emprego em um lugar super bacana. Fui lá e venci. Fiquei muuuuito feliz, desafiada e preocupada com tanta novidade, mas feliz.
O ano nem acabou e eu já pulei em tantos galhos diferentes...alguns bons e outros repletos de espinhos. Acredito que sempre estamos onde devemos estar, por motivos vários que fogem ao nosso entendimento.
Não posso reclamar de uma vírgula na minha vida profissional, afinal, Deus sempre (mesmo!) providencia o que eu preciso e exatamente quando eu preciso. Nunca passei aperto, e em 2010 não foi diferente. Mas tirando a providência divina, o resto todo eu podia passar sem...
Claro que sou imensamente agradecida pela saúde (minha e dos meus), segurança, pela vida, mas lá no fundo eu queria mais.
Eu preciso de mais em 2011.
Preciso de novos planos.
Quero meu coração batendo forte.
Quero o calafrio do novo desafio.
Quero a dor de barriga de dia de prova.
Quero as mãos suadas de expectativa.
Quero sentir vontade de beijar mais, abraçar mais.
Quero sentir dor nas costelas de tanto rir.
Quero chorar em mais filmes.
Quero menos telefone. Menos computador. Mais olho no olho.
Quero receber cartas que não tenham um boleto dentro.
Quero olhar o mar de perto, não da janela.
Quero meus amigos debaixo da minha asa sempre.
Quero o cheiro dos meus sobrinhos bem pertinho do meu nariz.
Quero relembrar musiquinhas de ninar para o bebê que vai chegar.
Quero fazer mais cafuné.
Quero descobrir cada novo cabelo branco que surge (nele, em mim não precisa, Papai Noel!)
Quero continuar me perdendo na imensidão de um lindo par de olhos castanhos...
Quero me encontrar nos braços do dono dos olhos castanhos e aproveitar cada momento do ano que vem por aí.
Até chegar o Natal novamente e minha lista aumentar...
E vocês, já estão na Retrospectiva 2010?

Ah, uma coisa que eu fiz esse ano e que me faz muito feliz: O BLOGUINHO!!!!!! Isso é graças a vocês, que fazem da minha vida ser colorida e alegre! Muito obrigada!
Beijinhos

Quero ir ao Rock in Rio, tá, Papai Noel?!

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Revolta no coração!

Oi, gente!!
Periquitas do meu coração, como vocês devem perceber, eu sou uma pessoa um tantinho alegre, faladeira e amostrada demais. Maaas, como só existe a luz onde há treva, eu tenho um ponto fraco.
Tenho pavor de baratas! acreditem, eu nem falo esse nome dentro de casa para não atrair.
Logo, a história que venho contar é triste, muito triste. Se você não gosta de emoções fortes, desista agora.
Por motivos insondáveis (oi?), estou enrolada até o último fio de cabelo do Tony Ramos de tanto trabalho. Pois bem, arregacei as mangas (as alcinhas, porque tá um calor do cão!)e coloquei as mãos à obra. Havia pilhas e mais pilhas de processos espalhados do Oiapoque ao Chuí da sala em que eu estava trabalhando na semana passada (até embaixo das cadeiras!). Pra começar o drama, alguns estavam mofados, úmidos e muito suspeitos.
Apesar dos pesares, vesti minha luva de látex e cai pra dentro. Em um momento, uma menina que estava trabalhando na tropa sentou no chão e ficamos dividindo as tarefas. Estabelecemos que começaríamos o ataque por um determinado ponto. Fui lá pegar a primeira pilha para começar os trabalhos, mas o que eu não poderia imaginar é que o inimigo estava à espreita, esperando um erro da parte do nosso batalhão, e a aspira descuidada fui eu. Quando eu puxei a pilha, vi a face do mal olhando nos meus olhos!!!
Obviamente estava no meu ambiente de trabalho, com a sala cheia de gente, tive que buscar uma solução madura e eficiente para o problema apresentado.
AAAAAAAAAAAhhhhhhhhhhhh, UMA BARAAAAAAAAAATAAAAAA!!!!!!!!
Instaurou-se o pânico! Faltou cadeira pra tanta mulher (ah, esqueci de mencionar que éramos 7 mulheres na sala, e nehum infeliz pra matar o bicho!). Uma delas olhava pra mim e perguntava: "É um rato?" E eu respondia: "Nããããão, é uma baraaaaata!!", e ela ficou me perguntando isso várias vezes (vai entender a raça humana, se fosse um rato eu ia gritar assim por que????Eu, hein...)até que ela achou que eu estava mentindo e resolveu escalar a mesa. Só que a tentativa resultou numa performance digna do Cirque du Soleil, porque ela nem subia na mesa nem ficava quieta na cadeira, até que caiu de bumbum no chão (grávida!). Eu elogiei o salto pela graça e leveza, mas constatei a inutilidade do mesmo. Pô, se era pra se jogar no chão que pelo menos fosse em cima da barata!
Nisso chegou um senhorzinho atraído pelo nosso escândalo e perguntou o que estava acontecendo. Quando a gente disse que era uma barata, ele riu e falou: "Ah, aqui tem muuuito!" Hein???? Mantivemos o cromossomo Y na sala até que ele apresentasse o corpo devidadente 'morrido'. Putisgrila...quando vimos o tamanho da bicha, minha pressão até caiu!!!
Esse fato abalou toda a minha disposição, e vocês não vão acreditar, mas depois do ocorrido descobrimos que os processos que estavam servindo de lar para a enviada das trevas nem eram nossos. PQP!!!!! (desculpem os modos, mas fala séééério)
Enfim, viva as mulheres e seus pitis! hahaha
E abaixo aos bichos nojentos, chatos, bobos e feios!
Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come! Ó vida...

sábado, 4 de dezembro de 2010

Meme - esse desconhecido!

Oi, pessoal!
A Mariane do I Love UK fez um meme no seu blog e sugeriu que eu respondesse ao dito cujo. Acontece que não havíamos sido apresentados (eu X Meme!), e mamãe sempre me ensinou a não falar com estranhos. Tive que recorrer às instâncias superiores da sabedoria contemporânea (joga no Google, galera!) e descobri o que é um meme!!!!
"O termo meme pode significar apenas a transmissão de informação de uma mente para outra. Este uso aproxima o termo da analogia da linguagem como vírus"
Trocando em miúdos: é um mesmo post (aqui no caso um questionário) que várias pessoas respondem, sendo assim teremos um mesmo tema alimentado com várias informações obtidas através de diferentes pessoas. Óóóóóó...
Bom, agora que já fomos formalmente apresentados, vou colocar ele aqui. Prometo não viajar muito nas respostas. Pensando melhor: prometo tentar! hahaha
Também não tem graça se todo mundo responder a mesma coisa, né?

Trabalhos que eu tive em minha vida
- Estagiária
- Assessora Jurídica
- Assessoria de Direção
- Servidora pública

Lugares em que vivi
- Lua
-Putz...só tem um! O estado mais marrento do mapa! Rio de Janeiro! rsrs

Programas de TV que eu assistia quando era criança
- Caverna do Dragão
- Show da Xuxa
- TV Colosso
- Changeman
(ainda bem que são só 4, senão eu ia chegar no Vigilante Rodoviário! kkkk)

Programas que assisto
- Jornal Nacional (Boa noite, Bonner! Boa noite, Fátima!)
- CSI (nojento, mas maneiro)
- Esquadrão da Moda! Uhuuu!
- Amaury Jr. (porque um dia eu vou ter mais jóias que a Hebe, preciso saber os locais que me esperam!)

Quatro lugares em que estive e que voltaria
- A casa de Santos Dumont. (Quem puder, vááááá! É o máximo!!!)
- Museu Imperial de Petrópolis (se existe outra encarnação, eu fui da realeza!)
- Morro de São Paulo (só de avião, pq de barco jamais! Rolou até tráfico de saquinho de enjôo de tanto que aquela joça sacode.)
- Salvador (caipiroskas fenomenais...hehehe)

Formas diferentes que me chamam
- Fatinha
- Fafyta
- Tantinha
- Fá

Quatro comidas favoritas
- Strogonoff
- Frango à parmeggiana
- Batata frita
- Brigadeiro (sobremesa, ué!)

Quatro lugares em que desejaria estar agora
- Londres (assistindo a nevasca pela TV, of course!)
- Esquiando no Rockfeller Center
- Paris (comprando 5 bolsas na LV)
- Rio de Janeiro, se hoje já fosse o ROCK IN RIO!!!!

Espero que no próximo ano, eu possa
- Ganhar beeem mais dinheiro
- Perder beeem menos cabelos no processo de enriquecimento
- Ter saúde pra dar e vender
- Acabar o ano e olhar pra trás satisfeita, com o dever cumprido!

Quatro pessoas que eu indico para responder
- Fê, do Coração que não cala (freguesa das indicações. Quem manda ser uma flor do dia?)
- Fá, do estilo diário (minha querida xará e colega!)
- Gi Salmazi, do Ouse ser quem você é (chiquetude e simpatia master em pessoa)
- Eulalia, do Papo de Meninas (nordestina arretada de bacana!)

Espero que elas topem. É tão legal quando podemos saber mais das pessoas que gostamos, né!!
Espero que não tenham ficado entediados com o meu meme!
Beijinhos e um doce domingo a todos!

Assisti a reprise de "A Feiticeira". Também quero mudar o mundo com o nariz. Simples assim!

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Segredos


Oi, docinhos!
Antes do post preciso que vocês prometam solenemente que não vão contar para ninguém o que eu vou revelar aqui.
Prometem? Olha lá, hein! Se vocês quebrarem a promessa eu vou jogar uma praga bem tenebrosa que vocês vão se arrepender de ter sucumbido à fofoca!!!!(já sei: que dê bolinhas no esmalte toda semana!)
Vamos à revelação: meu pai é o Super Homem!
É verdade, mas por razões óbvias eu não posso ficar expondo a identidade secreta dele assim, mas eu confio em vocês, então não tem problema, né?
Quando eu nasci meu pai já tinha 43 anos, então eu fui criada com os filhos dos meus primos, mas só por parte de pai, na família da mamys tá tudo certinho. (Tradução: meu pai coroa casou com um brotinho!rs)
Desde que me entendo por gente, ele é a minha mãe! Quando eu acordava de madrugada pra fazer pipi, não podia colocar o pé no chão porque vai que algum dos monstros que moram embaixo da cama estivesse acordado? Risco! Nem pensar...PAAAAIIIII!!!!
E lá vinha ele, sem nenhum resmungo sequer, me escoltar até o banheiro, ficar vigiando a porta até eu acabar, me escoltava de volta à cama, ajeitava a minhoca (uma almofada que me impedia de cair no chão, grande parceira de infância), me dava um beijinho e ia dormir.
Amanheceu. Hora de tomar a mamadeira antes de ir pra escola. Quem fazia? PAAAIIIII!
Hora de ir pra escola. Quem levava? PAAAIIIII!!
Hora de voltar pra casa. Quem levava? PAAAIIIII!!
Vocês devem estar se perguntando: cadê a mãe, meu Deus?! Ela estava muito ocupada estragando meu irmão...hahaha
Ela mesma chamava meu pai de 'Clotilde, a Super Mãe'!
Hoje algum tempo já ficou pra trás, muitas coisas já não estão mais na minha vida (minha mãe, inclusive), mas meu pai é a força da minha casa.



Eu brigo taaaaaanto com ele, somos tão diferentes. Ele é bagunceiro até não poder mais, e eu fico louca da vida andando atrás dele pela casa catando o rastro de papel amassado, meia no chão, lenço espalhado, palito de dente, roupa suja...quando eu chego em casa consigo adivinhar o que ele comeu no almoço. Porque ele larga tudo pelo caminho. Sempre tem um arroz aqui, um feijão que escorreu ali, um pedacinho de alface que caiu no chão, uma carninha no fogão...a cena do crime está sempre intocável. Eu reclamo, resmungo, esperneio, juro que quando fizer 18 anos (oi?) vou me mudar daqui...e ele vira pra mim na maior cara lavada e fala alto: "Minha filha, não me bate hoje não, tá?"
Ele se acha O dono de casa, e tem a deslumbrante mania de querer lavar os lenços que usa. Só que gasta 1kg de sabão pra cada lenço. Meio quilo vai pro balde e meio quilo vira textura nas paredes ("O telefone tocou, o que eu ia fazer...")
O meu fôlego de falar milhares de palavras ao mesmo tempo foi herança genética de Papys, que fala pelos cotovelos, até quando não deve. Volta e meia ele me coloca em cada furada. Esses dias estava com ele na cidade e ele foi me apresentar a um conhecido dele, dono de uma loja de tatuagens e o cara era a própria vitrine! Todo tatuado, cheio de piercings, alargadores e tal. Meu pai vira para o sujeito e diz, todo orgulhoso: essa é a minha filha. Olha como ela é linda! Não é a minha cara? (aloooou pai, não tenho mais 6 anos!) E o sujeito ainda piora: é, o senhor é bonito, mas eu prefiro a filha. Fui reclamar com meu pai mais tarde, e ele nem me deu confiança, e quando eu bufei e falei que minha vontade era de ter esganado ele, ainda tive que ouvir: 'De novo?'. Dorme com um barulho desses...rsrs
Ontem fui com ele ao cardiologista pra fazer um exame simples, uma avaliação para que ele possa operar a catarata (do Iguaçu!). Com a bênção de Deus, ele tem uma saúde de ferro pintado com zarcão ("Ferro enferruja!"), mas para minha surpresa o médico constatou uma arritmia e passou outros exames antes de liberá-lo para a cirurgia.
Eu sou até bem durona, mas quando eu me vi ali, naquele consultório com o meu pai deitadinho naquela maca de exame tão indefeso, tão miudinho, com os olhinhos arregalados de susto do que o médico estava falando, me deu um pânico tão enorme, uma sensação de que estava tudo errado. Só consegui engolir o choro e pedir a Deus que meu pai não fique doente.
Ele é o Super Homem e não temos criptonitas por perto, então tudo vai ficar bem!
Eu sei que eu sempre tenho alegria pra dar e vender aqui no blog e na vida, e isso eu aprendi em casa, vendo os meus pais.
Eu sei que esse susto que eu tive foi só disfarce dele pra ninguém descobrir sua identidade super secreta. Mas já tá de bom tamanho. Não quero mais brincar disso!
Vou voltar aqui e contar como ele fez a cirurgia dos olhos e está feliz da vida enxergando tuuuudinho! Tenho certeza e fé disso!
Beijinhos e muita saúde a todos!!!

Será que com a cirurgia ele vai continuar me achando bonitinha? rsrs


sábado, 27 de novembro de 2010

Plantando tudo se dá. Será?

Olá, periquitos queridos!
Hoje vim contar uma história muito complicada!
A vida e a arte da Tinha. A Tinha mora aqui na minha casa, mais precisamente na sala, pra pegar um solzinho esperto.
Ela é ótima. Lindinha, mas cheia de vontades...o problema? Ela é uma planta (planTINHA) que ganhei de uma tia postiça que eu amo de paixão, a tia Deise.
Eu vivia reclamando que não consigo fazer nenhuma planta vingar, acho que fengshuísticamente falando a minha casa não favorece a vida vegetal. Até que a tia Deise me ligou e disse: arrumei uma planta perfeita pra você! Juro que pensei que era piada e que ela ia me dar um girassol de plástico, mas mantive a pose e confiei.
Cheguei à casa dela e vi a planta. Tão linda!!!! E de verdade! Quanta responsabilidade.
Sim, porque agora é uma questão de honra que esse trem não morra, senão minha moral estará arruinada!
Olha, se eu tivesse parado pra pensar em todas as dificuldades e desafios de criar uma planta com todo amor, carinho, adubo e água que ela merece, decidiria nunca ter filhos. Meu instinto maternal não é suficiente para a Tinha viver feliz, verdinha e contente.
Essa é a dondoca em questão:



Quando ela chegou aqui em casa (em janeiro), vocês precisavam ver que coisa mais linda! Ela ainda era bebê, tão verdinha, tão criança-feliz...mas acho que a contagem de tempo para as plantas é diferente da nossa. Não tem uma história de que 1 ano para cachorro conta como 3? Acho que esse é o problema: minha planta é um cachorro e está na adolescência.

Ela começou a apresentar sinais de escoliose, aí coloquei uma muleta (palito de churrasco) pra ela segurar o tranco. Já pensou se ela quebra ao meio? Eu ia ter um treco!!!



Ela tem vida de madame, antes que alguém pense em me denunciar por maus tratos! Bebe água 2 vezes por semana (filtrada, e às vezes até a que o Padre Marcelo benze!), pega só o sol da manhã na janela (pra ver as modas na rua) e eu limpo as folhinhas dela com um paninho quando acho que ela comeu poeira. Enfim, não sei mais o que essa pessoa precisa pra ser feliz!
A tia Deise disse que ela devia estar triste por causa da saudade da antiga dona (que por acaso vem a ser a própria tia Deise!). Será que vou ter que deixar elas conversarem por telefone????? Vou ter que levar planta pra passear??? É o fim dos tempos...
Eu às vezes acho que ela está morrendo, e converso com ela pra preparar o momento da passagem (vá em direção à luz, Tinha!), e aí fico pensando que pode ser a última aguadinha dela. E só pra me contrariar, a bicha cria uma folhinha nova e ressurge das cinzas!!!
Visão aérea pra vocês sentirem o drama:



Uma tia tem umas plantas que moram na varanda. São bem bonitinhas. Ela às vezes lembra e diz: puxa, já tem quase 1 mês que eu não molho as plantas. Aí enche uma leiteira com água da bica e afoga as bichinhas. Essas não morrem! Vai entender o mundo das plantas.
Acho que vou deixar a Tinha lá pra entender mais da vida e ser mais agradecida! hehehe
Essa é a novela vegetal que rola na minha casa. Talvez a Tinha esteja só passando por um momento difícil e tudo volte a ficar bem?! Tomara!!! Porque apesar dos pesares, ela é a planta mais linda do mundo!!!
beijinhos!

Eu sou eu, você é você. Isso é o que mais me agrada. Isso é o que me faz dizer...que vejo flores em você! Ira!

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Orgulho um tanto ferido...

Bom dia, docinhos!

Como todo mundo já deve estar sabendo, a onda de violência aqui no Rio está acabando com o sossego de todo mundo.

Só de pensar em ir pra algum lugar um pouquinho diferente já dá aquele friozinho na espinha. Muitos fatos que acontecem na nossa rotina ficam por aqui mesmo.

Quase diariamente há arrastão em algum túnel da cidade do Rio de Janeiro.

Balas perdidas? Aqui é fácil de achar.

Eu quero educação para as crianças que ficam largadas nos sinais e pelas ruas cheirando cola.

Eu quero saúde para as vítimas da violência, quer doméstica ou urbana.

Eu quero liberdade para ver o por do sol no Arpoador (quem nunca viu, tá perdendo!) sem ter medo de um arrastão que surge do nada e acaba sabe-se lá como.


Eu quero a noite boêmia da Lapa sem que roubem meu carro.



Eu quero a Igreja de Nossa Senhora da Penha para os fiéis subirem suas escadarias agradecidos, e não para servir como ponto de observação de bandidos que atiram na polícia.





Eu quero dias melhores para o Rio. Para a cidade maravilhosa, para todas as maravilhosas cidades que estão ao seu redor e para todos que vivem a maravilhosa arte de sobreviver nesse caos.



E que Ele nos ajude, porque como dizemos por aqui: o bicho tá pegando!



Beijinhos e paz a todos!


Eu vivo sem saber até quando ainda estou vivo, sem saber o calibre do perigo. Paralamas do Sucesso

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Meus pobremas se acabaram-se!!!

Olha, se ter amigo fino já é uma beleza, ter família chique é maravilhoso!!!!
Minha tia linda (essa é outra, que não é a natureba) me liga um belo dia e faz um convite:

(Titia) -"Bonitinha, vamos a um casamento com titia?"

(Eu - a Bonitinha em questão!rs) - "Claro, tia!!! Quando? Onde? De quem??"

(Titia) - "Lembra da Marina? Então, ela vai se casar e quer muito que a gente vá!"

(Eu) - "Que notícia boa, claro que vamos!!! Quando e onde?"

(Titia) - "Em Verona, na Itália! A cidade de Romeu e Julieta! Nós vamos, né?"

(Eu) - "tum...tuum...tuuum...tuuuuum...tuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu" (batimentos cardíacos acelerando mais do que o Ayyyrton, Ayyyyyrton Senna do Brasiiil!!!)

Como esse é um blog que não mente pra não ter manchinhas brancas nas unhas, obviamente que eu não pude ir. (Aproveitando, deixa eu mandar um beijo para todos os meus chefinhos, que não me liberam nem pra fazer xixi, que dirá pra viajar)
Já pensaram nisso: passear por Verona, comer macarrão, visitar o jardim da casa de Julieta, encontrar o Leonardo Di Caprio...ops, foi só no filme.
Eu pensei. E pensei muuuuito! Apertei o cinto nas finanças na esperança de aparecer um programão pra todo mundo no meu trabalho e eles me darem férias coletivas...acho que Verona não serve, tenho que ir é pra Hollywood, porque meus sonhos estão uma ficção científica sinistra!
Mas nem tudo está perdido!
Para quem não conhece a história (uma atenção aos meus leitores marcianos, gente, foi mal...), Julieta morre, Romeu morre, todo mundo morre! Por isso diz a lenda que Julieta ficou muuuito triste em não viver sua história de amor e hoje ajuda os corações apaixonados a ter sorte no amor. Aaaawwwhhhh, que fofo!!!
Lá na casa da mocinha tem um muro em que as pessoas escrevem cartas pedindo ajuda, conselhos e aquele empurrãozinho pro casamento sair e os pombinhos viverem felizes para sempre.
MEU NOME TÁ LÁÁÁÁÁÁ!!!
Nome completo, diga-se, para não ter erro! E ainda aconselhei titia a colocar uma foto 3x4 pra dar aquela garantida maior.
Tã tã tã, tã tã, tã...
((Dancinha da vitória na velocidade 5!))



Diz se eu não sou um sucesso????? Tô me sentindo a melhor bolacha do pacote!!
E olha o que eu ganhei pra comprovar que ela esteve lá:


Ih...mão branca e chaveiro clarinho não rolou. Vamos tirar o flash!

Ah, bem melhor! Todo mundo dando um oi pro Padre Marcelo Rossi que saiu na foto! Ooooiiii!
Não disse que meus pobremas tinham se acabado-se?
Se o amor é cego, nunca acerta o alvo. Romeu e Julieta - W. Shakespeare

sábado, 20 de novembro de 2010

Post denúncia!!!

Oi, docinhos!
Periquitas do meu coração, preciso muito da ajuda de vocês para entender o mundo!
Lembram do post anterior - 'Uma vez Penélope...', pois bem, o de hoje deveria ser ERA UMA VEZ PENÉLOPE...
hahahaha
Não tem jeito, alegria de pobre não foi feita pra durar, gente!
Olhe esta foto e me diz se essa unha foi feita há 2 dias?!?!


Tá vendo porque eles ficam inventando esmalte até com cor do ET de Varginha? Porque eles sabem que não vai durar!
Zanguei! Humpf!
Senhor fabricante de esmaltes: você é feio!
Pronto, desabafei! kkkk
Bjs

Deve ser por isso que meu pão sempre cai com a manteiga pra baixo...

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Uma vez Penélope...


Oi, docinhos!

Vim aqui mostrar um lado da minha personalidade que eu mantenho em segredo, mas não posso mais esconder:
SOU INVEJOOOOOOSA! hahahaha
Pôxa, todo blog que eu visito mostra o esmalte do dia, da semana, sei-lá-de-quando, e eu estava muito excluída. Maaas, como amanhã já é sexta, e a chance de eu lascar a meleca do esmalte virando páginas diminui consideravelmente pela metade (com margem de erro de dois pontos percentuais!), resolvi fazer as pazes com a manicure!
Rolou um flashback quando eu vi um esmalte chamado Penélope (não é a linha não, é da Colorama esse!). Quase consegui ouvir aquela musiquinha instrumental de novela quando alguém relembra a infância. Só não deu tempo porque o esmalte é de uma camada só! hihi
Adivinha qual era meu apelido na escola? Penélope! Por que? Porque eu era do time de handball e até descabelada eu era chiquérrima! Acreditam??? Bobinhas...hihihi. É porque eu era fresca!
Ah, fala sério...estoporei o joelho (até hoje escuto barulhos suspeitos), saia da aula de educação física toda escangalhada, arranhada, e ainda ouvia reclamação. Fala sério! Tem mais técnico de esportes nesse país do que gente! Cruz-credo!
Mas o pior (?) é que eu jogava bem, então podia dar meus chiliques a la Adriano Imperador (menos, Fá!) que ninguém me dava confiança.
Enfim, voltando do flashback: escolhi o Penélope, que é um rosa encorpado. Vamos conversar sobre isso em outras oportunidades? O que é uma cor encorpada? Por hoje acreditem em mim: o Penélope é encorpado. E tenho dito! rsrs
Agora que matei a inveja que andava corroendo meus dias, tô me sentindo a melhor bolacha do pacote!!
Beijinhos rosa encorpado a todos!

Bolacha e café com leite...Huuummm

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Selinho!



Oi, docinhos, bom dia a todos!
Olha que selinho mais lindo que ganhei da minha xará e amiga virtual Fá!!! Fiquei tão feliz com a lembrança dela!!!
Por essas coisas sinto que vale a pena ter um blog, não estamos sozinhas jogadas no vento não, pessoal! Cultivar amizades é sempre uma ótima ideia, mesmo que seja à distância. Amigo é amigo, não importa o jeitinho que seja a amizade.

Junto com o selinho temos um 'manual'! rsrs


1 - Indicar 6 pessoas que te incentivam e dão carinho:


- Minha querida Fê, do Coração que não cala;

- Amandinha, a menina Du Balaio;

- Renata, a phyna do Look Legal;

- Mari, do Arte com Estilo;

- Carla, do Miscelânea decoração moda bazar;

- Rafa, minha ídala craft do Casa Montada.



2 - Falar sobre a pessoa que te deu o selinho.

Sabe as felizes surpresas que a vida coloca no nosso caminho? A Fá do estilo diário é exatamente isso. Uma grata surpresa, um feliz achado nessa blogsfera. É chique-no-úrtimo, bonitona, simpática, minha xará e colega de profissão! Um luxo de pessoinha!



3 - Dizer o que te deixa nas nuvens.

Minha família, em especial os picorruchos, que mesmo quando estou morta com farofa conseguem despertar o que há de melhor em mim.



Adorei o selinho, Fá!
Espero que as mocinhas indicadas gostem também!
Beijinhos a todos e um ótimo dia!

Meu primeiro selinho. Se cuida, Hebe Camargo!

domingo, 14 de novembro de 2010

Doçura pouca é bobagem!

Oi, docinhos!
A história que eu vou contar é uma verdadeira saga!
Estava eu passeando pelo blog da Renata, e vi um post incrível sobre
anéis que despertou um vulcão consumista no meu ser. Isso já era tarde da noite. Fui dormir contando anéis no lugar de carneirinhos, e acordei cedo decidida a mudar minha vida (oi?) com a aquisição de um anel igual-que-nem os que eu tinha visto! E fazia taaaanto tempo que eu não tinha um surto desses, que adorei. Me senti uma adolescente correndo às bancas pra comprar a última edição da revista Querida (que tem 30 sabe o que eu estou falando!kkk) com algum ídolo teen na capa!!
Fui pro Google frenética atrás do anel de coroa que tava lá no blog e achei um liiiiiiiindo!!! Mas como alegria de pobre dura pouco: tava esgotado. Depois de jogar uma praga mega-power em todas as passarinhas que compraram o anel antes de mim, meus olhinhos brilharam por outro: um de lacinho! Awhhhh...
E aí fui investigar a lojinha. Paixão à primeira vista!!! Cada coisa tão linda, visita também!! Foi lá na
Toda Doce.
Encomendei meu anel (que na verdade são 2!), e fiquei encantada também com o atendimento da dona da loja, a Camila. Ela é uma fofa, super educada e atenciosa.
Para a felicidade geral da nação (leia-se meu pai, que não aguentava mais responder que -não, não chegou nada para você hoje!) meu anel chegou!!! E acreditem, ele é mais lindo pessoalmente do que nas fotos! Tudo bem que é enorme, mas era o menor número que tinha e eu queria nem que fosse pra usar no dedão! Pirraça é pirraça, oras!rsr
Antes que alguém queira chamar a Super Nanny para me colocar no cantinho da disciplina, vejam se meus anéis não valem a birra!!! Ah, e o precinho é muy amigo! Mais um ponto pra mim! hahaha
Essa é a foto oficial do site da Camila. O meu é o dourado.

Essa é a foto não-oficial. Que coisa feia ter gente que rói unha, e ainda por cima as pelinhas (nham!), né...kkkk


Eles podem ser usados separados, e o de lacinho ficou um mimo na minha mãozinha, né? Eu também acho! hehe



Como eu imaginei, ficou meio grandinho (tudo bem, vai, ficou um bambolê!), mas atrás de um anel ou da aliança ele fica sossegadinho e não corro o risco de perder! Já pensou, depois de tanta procura?? No way!

É isso, docinhos! Espero que tenham gostado!

Agora já solicitei a gentileza da Renata, do Look Legal de só postar coisas que eu gosto no próximo mês, porque esse salário já não me pertence mais! hahaha
Beijinhos e ótimo domingo a todas, queridas!

Papai nunca me deu uma assinatura da Querida. Trauma!


sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Agende-se!

Oi, docinhos!

Como vocês podem ter reparado, esse blog andou muito amarguinho pro meu gosto, então chega de mimimi e vamos voltar à alegria, que é nossa programação normal!
Mais uma vez, valeu a força que vocês me deram nesses dias, periquitas amadas!

Deixa eu contar uma coisa: cheguei em casa anteontem, mais quebrada do que arroz de terceira (antiga, eu?) e assim que abri a porta da cozinha (luxo zero!) vi um embrulho em cima da mesa e fiquei tããão felizinha! Confesso que achei que era um anel lindo de viver que eu encomendei, mas era um pacotão...deixei meu lado criança atacar e descobri que eram 2 agendas que eu tinha encomendado há séculos.
Ó só que graça, pessoinhas!!!
Vou confessar que acho que não encomendaria de novo não, porque me senti extremamente desrespeitada pela loja virtual. Acompanho um programa que passa na rádio que chama 'Primeiro Programa', e é super bacana. Sempre escuto a propaganda da Agenda Atitude, que promete alegrar e estimular seus bons sentimentos a cada dia. Pensei com meus botões- que são péssimos conselheiros!- que alegria nunca é demais e fui me informar no site.
Havia uma promoção para quem comprasse antecipado e tal. Sucumbi. Comprei 2 agendas. Uma para a minha pessoa e outra para uma tia hare krishna-budista-natureba-yogueira-lelé que eu amo e que eu sei que iria adorar de presente.
Pois não é que a entrega demorou quase 2 meses? Nada ocorreu conforme o combinado. E ainda mandei 2 e-mails que nunca foram respondidos. Enfim, em 2011 tenho Agenda Atitude, mas em 2012 minha atitude é comprar em outro canto, oras!
Maaaaas, como elas chegaram, preciso mostrar!rsrs
As frases mais legais eu coloco aqui de vez em quando pra vocês verem, ok?

Olha que gracinha ela é! Reparem no meu edredon de flores de cereja, por gentileza!! A foto está uma meleca. A culpa é da maquinista (Beijo, Carla do Eu messsma!haha).




Com marcador de páginas (óóóóhhhhh!kkk). Não reparem na mão cansada, nas unhas roídas. É que tô de greve de boniteza! Quando eu crescer vou ter as mãos bonitas iguais às de vocês, que desfilam esmaltinhos luxo!



Olha que coisa fofa esse mouse pad (eu não tenho mouse! o.O)com frases inspiradoras!



Minha frase preferida:



Vamos nos organizar, moçada! E vocês, já compraram a agenda de 2011?
Beijinhos
Eu nunca esqueço aniversários...juro!

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

E não é que é?

Se tem uma coisa que eu gosto é de estar certa. Não por orgulho, vaidade, ou sei-lá-o-quê, mas por confirmar meus dotes que vieram junto com meu sexto sentido.
Na verdade acho que a intuição deveria ser um dos meus primeiros sentidos, porque seu uso é fundamental na miha vida.
Acredito que quando a gente se conecta com o bem, com boas energias, sem raivas, mágoas, rancores, inveja, ciúme e outras coisas pequenas assim, a gente recebe a resposta da vida. E acho que por isso eu sempre sei quando uma furada está para acontecer. Só faltou Papai do Céu me equipar também com um pouco menos de teimosia, porque quem disse que eu escapo das furadas? Vai entender...
Não dizem que Deus não dá asas às cobras, e se desse tirava o veneno? Vai ver que é isso, se eu já tivesse a sensação de que algo errado ia acontecer e ainda por cima pulasse fora, cadê a graça, minha gente?!?! Deus também gosta de diversão!
Bom, resumindo essa conversa sem pé nem cabeça (é o cansaço, relevem, pls): lembram da dor de barriga que eu estava sentindo diante das mudanças profissionais?
Pois sim, lá no meu trabalho todo mundo ficou enfeitando o pavão, dizendo que seria ótimo, eu ia aprender bastante, que as pessoas seriam legais, que seria uma excelente oportunidade e blábláblábláblá...
TUDO MENTIRA! Até o fechamento da edição desse post estou muito mal-humorada, desiludida e cansada. HUMPF! rsrs
Mas eu sou brasileira e não desisto nunca!!!
Se é pra trabalhar, vamos trabalhar!
"Sim meu amor
Quando a gente quer
O mundo se ajeita..."
Beijinhos!
Nunca confie em quem tem mais de 30.

domingo, 7 de novembro de 2010

Ansiedade ON!!!


Oi, docinhos!
Primeiro queria dizer que estou tããão feliz com as novas amizades conquistadas através desse bloguinho, que nem tenho como agradecer! Vocês são incríveis!!!

Bom, como eu já desabafei por aqui, amanhã começa uma nova fase na minha vida profissional. Fui transferida para uma área que, sinceramente, não gosto nem um pouquinho.
Quando terminei a faculdade lembro de ter pensado: ufa, nunca mais quero saber desse troço na vida! Acabou!!! Bobinha...
Andei pensando muito nesse 'não gostar', e estou disposta a dar mais uma chance com essa tentativa. Afinal, eu não tenho escolha mesmo, então é gostar ou trabalhar infeliz. Prefiro aprender a gostar.
E também não estou mais tão desgostosa da vida, porque nada é pra sempre. Se mesmo tapando o nariz e engolindo de uma vez (lembranças de criança tomando remédio amargo!rs) não der pra encarar, vou partir pra outros vôos, com a certeza de que fiz o meu melhor. Se não foi o bastante para os outros: paciência!
Como diz a Pitty: "Não é minha culpa a sua projeção".
Agora estou muuuuito ansiosa. Sabe quando a gente está esperando pra fazer exame de sangue e quer logo acabar com isso? Então...que venha o amanhã, porque no que depender de mim, ele vai me encontrar pronta pro batente, de coração aberto e vontade de aprender sempre!
Difícil está sendo comunicar essa placidez toda para o meu estômago, que está dando voltas de ansiedade! rsrs
E eu que pensava que essas sensações melhoravam com o tempo...ainda bem que não!
Excelente restinho de fim de semana a todos!
beijinhos

Eu tinha dor de barriga de prova!

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Tocando em frente...


Toda mulher é um pouco bipolar. Nem que seja só um tantinho, vai...
Acho que meus dias ultimamente têm sido mais bipolares do que eu gostaria. Minha vida profissional vai muito bem, obrigada, mas sabe quando a gente se acomoda e só quer ficar ali quietinha, sem grandes emoções e desafios? Assim temos tempo pra batalhar pelo que queremos de verdade pra vida...
Pois bem, essa sou eu, muito prazer!rsrs
Acordei hoje achando que era apenas mais um dia, mas acabo de descobrir que hoje é O dia.
Mudanças me esperam e confesso que nesse primeiro choque não estou feliz com elas. Juro que não sou medrosa, mas tinha outros planos pra agora. E acabo ficando culpada em não valorizar uma nova oportunidade como eu gostaria.
Sim, eu sou muito severa comigo mesma.
Enfim, não sei o que será do amanhã, mas na verdade a gente nunca sabe mesmo, não é?
Então só me resta mergulhar de cabeça na nova fase da minha vida que está para começar, agradecendo a Deus por cada minuto, seja tranquilo ou turbulento.
Ninguém nunca nos garante que será fácil, mas eu tenho certeza que vou conseguir, sendo fácil ou não!!!
Engraçado como a gente muda. Eu sempre gostei de novos acontecimentos, de correria, agotação, muito trabalho, muitas atividades...hoje continuo assim, mas sou muito mais exigente com o que vai ocupar meu tempo e me fazer correr.
Estou completamente inserida naquela frase que todo mundo já ouviu:
QUANDO VOCÊ PENSA QUE SABE TODAS AS RESPOSTAS, A VIDA MUDA AS PERGUNTAS.

Pronto, desabafei e o medinho já tá indo embora!
Tudo vai dar certo!

Sucesso para nós, mulherada trabalhadora e trabalhadeira!
Beijinhos!
Sempre tive medo de fazer xixi em montanha russa.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Desafio!

Oi, docinhos!
A Carla do Miscelânea decoração moda bazar (não conhece ainda???? Corre lá!) me mandou um desafio muito interessante.
E como nesses tempos de Tropa de Elite, minha porção Capitã Nascimento manda um recado para a Carlinha: DESAFIO DADO É DESAFIO CUMPRIDO!!!
hahahaha
Vamos lá!
Primeiro vou explicar: o desafio é uma listinha de perguntas que eu tenho que responder e 'desafiar' 5 seguidoras, e assim por diante. Achei super legal essa forma de nos conhecermos melhor!
Vambora!
1 - O que te levou a criar um blog?
Pelo que vocês já devem ter percebido, eu produzo mais palavras por dia do que a maioria da população, e escrever é uma forma de esvaziar minha cabeça efervescente!
2 - O que tira você do sério?
Falta de educação e gentileza.
3 - Você tem alguma mania ou vício?
Pisar com o pé direito no chão quando acordo. Acredite: funciona! Tenta aí!
4 - Qual a sua melhor lembrança?
As reuniões de família na minha casa quando eu era criança. Era uma bagunça completa e deliciosa!
5 - Qual o seu maior sonho?
Fazer algo importante para melhorar a vida de alguém. É a maior missão que podemos ter nessa vida.
6 - Se fosse um dinossauro, como se chamaria? (oi?)
Picz! Ou Dino...ele é tão legal!!! Mas queria ser um pterodáctilo, com asas beeem grandes!
7 - Qual personagem da sua infância gostaria de ser?
A Changeman Marmeid (rosa e branca). Derrubava meio mundo e nem bagunçava o cabelo! Uau!
8 - Cite uma peça que não pode faltar no seu guarda-roupas e outra que jamais usaria.
Calça Jeans básica é o melhor invento fashion de todos os tempos! O que eu não usaria...ah, já sei: POCHETE! hahahaha
9 - Um lugar que ama.
Minha casa. Aqui é meu mundo, meu espaço, minha área.
10 - Que filme você amou e recomenda?
Ontem assisti à 'Lembranças', e estou com ele na cabeça, pela mensagem de simplicidade e esforço para que as coisas fiquem no lugar que devem ser mais confortáveis. E que infelizmente não podemos resolver tudo sozinhos. Muito bom filme. Me fez pensar.
11 - Qual último livro que você leu?
A Cabana. Vale a leitura. E acredite no autor: 'se você não gostar desse livro, ele não foi escito para você'.
12 - Qual palavra te define?
Alegria
As 5 amigas que vão receber o desafio são:
- Luciane, do Minha casa, meu mundo
- Rafinha, do Casa Montada
- Cynthia, do Fala, mãe!
- Fernanda, do Coração que não cala
- Eulalia, do Papo de Meninas
Espero que elas gostem e topem...eu adoraria saber mais um pouco delas!
Bjs
Eu prefiro ser um dragão do que um dinossauro. Thomas me deixou com inveja!rsrs

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Tempos modernos


A ideia de que o mundo 'moderno' nos causa stress, pânico e essas coisinhas não rola comigo.
Fala sério, quem tinha que ser estressada era a minha bisa, que acordava de madrugada pra acender o fogão à lenha, ferver o leite (que chegava num galão pesaaado), assar pão, engomar a beca do digníssimo marido (que não pegava nem a própria cuequinha na hora do banho-registre-se!), arrumar a penca de filhos que ia estudar lá em caixa prego, preparar almoço, cuidar da casa, estudar com as crianças, cuidar de bebês (sempre tinha algum bebê na família, reparem só!), coser meia furada, catar piolho de um, cortar unha de outro...até chegar a hora de preparar o jantar que deveria estar muito bom senão o patrão-marido resmungava.
Isso tudo sem máquina de lavar roupa, sem máquina de lavar louça, sem ferro a vapor, sem computador (hein?) e sem ajuda.



Isso sim me daria medo...
Hoje nós temos carro para ir ao supermercado, comprar nossos congelados abençoados, enquanto a máquina lava nossa roupitcha para que a diarista passe tudo no nosso ferro ultra-gliss-power-master.



Tá reclamando de quê, minha filha?
Stress? Na-na-ni-na-não!!!

Amélia é que era mulher de verdade!

domingo, 17 de outubro de 2010

Viver a vida!


É incrível como temos medo da morte, de ficar doente, de altura, de barata...
O medo faz bem, nos preserva vivos e espertos. Mas até certo ponto.
Quando deixamos o medo ficar maior do que nossos sonhos, aí ele serve para nos impedir de viver.
Tudo bem ter medo de avião. Nada bom desistir de conhecer lugares incríveis por causa disso.
Tudo bem ter medo de altura. Nada bom deixar de apreciar uma vista lindíssima por causa disso.
Tudo bem ter medo da morte. Nada bom não viver bem pensando nisso.
Tudo bem ter medo de insetos. Nada bom deixar de fazer aquele piquenique sensacional por causa deles.
Tudo bem ter medo. Nada bom ser infeliz por ter medo.
É difícil, difícil, mas não é impossível! O meu maior medo é deixar de ser feliz por ter medo da vida.
Agora quem não tem síndrome de pânico fica sem assunto. Prefiro ficar caladinha do que engrossar essa massa!
Medo: sim. Viver: mais sim ainda!!


Se eu puder escolher, prefiro viver sem baratas no mundo! Perfeição!

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Sai prá lááááá!

Essa semana vou confessar que passei a acreditar em bruxas. E além disso, acreditar que elas estão entre nós.


Trabalhei bastante esses dias pós-eleições, e em decorrência de algumas complicações no trabalho, convivi com a maldade humana de pertinho.
Tem umas pessoas que eu vou contar uma coisa, são muito das trevas!
Isso me levou a pensar em que tipo de pessoa eu sou e quero continuar sendo.
É incrível como para alguns espíritos sem luz importa mais a infelicidade alheia do que sua própria felicidade. É tanta vontade de ver os outros se darem mal que nem percebem o gasto de tempo e energia que isso traz.

Definitivamente eu penso muito diferente disso. Eu sei que o mundo dá voltas, e se hoje eu estou bem, por cima, amanhã só Deus sabe onde estarei e de que jeito. Vale a pena achar que eu sou melhor do que alguém por estar bem? Claro que não. O que vale é estar bem onde estou, e ter a confiança que quando os dias não tão maravilhosos chegarem, vou ter ajuda pra subir de volta.
É isso que a gente leva da vida, afinal.
A essa altura vocês devem estar me achando a próxima encarnação do Gandhi, de tanta serenidade.
Maaas, essa serenidade chegou depois de xingar todos os palavrões que eu conhecia e inventar outros tantos (que ainda não posso divulgar porque serão devidamente patenteados!rsrs).
A vida é assim mesmo. Às vezes precisamos ficar no escuro para voltar a dar valor ao brilho do Sol!
E para minha felicidade, descobri que onde tem bruxa tem fada, e tive a oportunidade de fortalecer laços de amizade e companheirismo muito especiais.

Pelo sim, pelo não: Xô uruca!

Placar final = Semana produtiva e feliz!